Melhores tipos de cerveja para o seu churrasco

28/08/2019
Imagem retirada de http://folhanobre.com.br/2019/08/27/melhores-tipos-de-cerveja-para-o-seu-churrasco/285797
Imagem retirada de http://folhanobre.com.br/2019/08/27/melhores-tipos-de-cerveja-para-o-seu-churrasco/285797

Dos poucos prazeres que a vida nos oferece, com certeza, um deles é estar rodeado dos amigos, curtindo uma boa música e um saboroso churrasco. Enquanto uns preferem uma deliciosa caipirinha, há aqueles que não abrem mão de uma boa cerveja gelada.

E, para você aproveitar o final de semana da melhor forma, com os amigos e com a família, vamos explicar um pouco melhor sobre cada tipo desta bebida tão popular aqui no Brasil! Veja só!

Qual a diferença entre as cervejas?
Geralmente, aqueles que gostam de cerveja já possuem a sua marca preferida, principalmente, se falarmos das cervejas industrializadas – aquelas que vemos sempre nos supermercados.

Cada uma dessas marcas possui um processo de fabricação e de fermentação diferentes, e também utilizam uma quantidade específica dos ingredientes que vão na cerveja: malte, lúpulo e cevada.

Somando esses fatores, podemos encontrar estilos diferentes e você saberá quais são eles, agora.

Tipos de cerveja
Podemos dizer, resumidamente, as cervejas são classificadas em duas famílias: lager e ale. A partir disso, são classificadas por estilo e um deles – o mais famoso, talvez – é o Pilsen, popularmente chamado por seus apreciadores de “loira gelada”.  

O que determina as famílias da cerveja é o tipo de fermentação que cada uma deles possui, deixando-a mais forte, mais amarga e, por que não, com um teor alcoólico maior.

Cerveja lager
A cerveja lager tem baixa fermentação e tem em sua composição a levedura Saccharomyces Pastorianus e justamente por isso, fica mais saborosa quando está gelada.

Devido ao seu tipo de fermentação, a cerveja lager tem o aroma mais próximo dos seus ingredientes, malte e lúpulo. Quando você vai ao mercado e vê no rótulo “cerveja tipo pilsen”, nada mais é do que uma cerveja lager com um estilo diferente.

A principal característica desse tipo de cerveja é a cor amarela. Anteriormente, as cervejas eram mais escuras e com uma espuma muito mais densa. Além disso, também eram consumidas em temperaturas menos frias.

Uma curiosidade bem interessante relacionada à cerveja lager, é a invenção de uns dos itens mais comuns em todos os lares: a geladeira. Por causa da sua levedura, ela precisava ser mantida em ambientes mais frios, então, no final do século XIX, foi inventado um equipamento para mantê-la em uma temperatura que favorece o seu consumo.

Os estilos mais comuns de cerveja lager são:
- Vienna: tom marrom avermelhado e sabor de malte adocicado;
- Bock: marrom e alto teor  alcoólico;
- Marzen: um pouco mais amarga e teor alcoólico médio;
- Keller: bem amar e teor alcoólico médio.
- Malt Liquor: pouco amarga, alto teor alcoólico e sem lúpulo.

Cerveja Ale
A cerveja da família Ale tem alta fermentação e, por isso, pode ter o teor alcoólico mais forte. Além disso, tem também o sabor mais apurados e, muitas vezes, de frutas, especiarias e outros ingredientes.

Um dos exemplos mais comuns é o estilo India Pale Ale, também conhecido como IPA. A coloração dessa bebida é uma pouco mais escuro, variando entre o dourado e os tons de cobre.

É possível encontrar cervejas do tipo IPA com aromas cítricos, de cravo, banana, milho e trigo. Ao contrário da lager, a Ale pode ser tomada um pouco mais quente que, ainda assim, fica extremamente saborosa.

Os tipos mais comuns de cerveja Ale são:
- Weizen;
- Strong Golden;
- Red Ale;
- Strong Dark;
- Witbier;
- Double red;
- Porter;
- Kölsch,
- Bitter.

A maioria das características das cervejas ale são bem parecidas. Ambas possuem um forte amargor e teor alcoólico do médio para o alto. O que difere entre esses produtos são os aromas que podem ser de frutas, flores e cereais.

Levando em consideração a classificação das cervejas, já fica mais fácil promover um dia especial ao lado das pessoas que você mais gosta, não é mesmo? É então, é só escolher e boa diversão!

Fonte: Folha Nobre