Caindo no samba: cerveja será enredo no Carnaval 2020

30/08/2019
Imagem retirada de https://observatoriog.bol.uol.com.br/noticias/2019/03/os-melhores-carnavais-do-mundo
Imagem retirada de https://observatoriog.bol.uol.com.br/noticias/2019/03/os-melhores-carnavais-do-mundo

Cerveja e samba tem tudo a ver, não é mesmo? É algo que já está enraizado na cultura brasileira. Agora você já pensou em o samba homenagear a cerveja. Para o carnaval 2020 a tradicional escola de samba paulista Nenê de Vila Matilde vai contar no sambódromo a história da cerveja, desde a antiguidade até a sua transformação em símbolo brasileiro.

O samba enredo “O Presente da Deusa e o Brinde da Águia” é criado pelo carnavalesco Zilkson Reis. O desfile irá apresentar primeiramente o surgimento da cerveja na região da Suméria; passando em seguida pelos principais pontos históricos, como no Egito, Império Romano, monges cervejeiros, mulheres taberneiras, cultura alemã, até desembarcar no Brasil, com a família Nassau que, em 1637, levou para o recife ocervejeiro holandês Dirck Dicx e o possível material do que viria a ser a primeira cervejaria das Américas. Também serão trazidos para o desfile os efeitos culturais da popularização da bebida no Brasil e como ela se tornou um símbolo nacional, associada a diversas expressões culturais, como o samba.

O desfile vai unir dois símbolos nacionais: o carnaval e a cerveja, e trazer um pouco da cultura cervejeira no país para o sambódromo.

A Nenê de Vila Matilde, que foi fundada em 1949, é uma das mais tradicionais escolas de samba de São Paulo. Ela vai entrar na avenida no domingo, será a segunda escola a desfilar no carnaval 2020 de São Paulo.

Fonte: Clube do Malte