A temperatura certa para cada tipo de cerveja

05/10/2018
Imagem retirada de https://super.abril.com.br/sociedade/a-temperatura-certa-para-cada-tipo-de-cerveja/
Imagem retirada de https://super.abril.com.br/sociedade/a-temperatura-certa-para-cada-tipo-de-cerveja/

"Estupidamente gelada” é a resposta preguiçosa a que estamos acostumados sempre que essa pergunta é feita. São centenas de tipos de cervejas, catalogadas por institutos diferentes, então nem dá para cravar quantos existem no mundo. Só a edição 2018 da Brewers Association Beer Style Guidelines, o guia de estilos da associação de cervejeiros dos Estados Unidos, lista 157 estilos diferentes. Então não existe uma única temperatura ideal, pois estamos falando de uma grande variedade de cores, aromas e texturas, sem contar corpo, amargor, matérias-primas…

Por outro lado, não dá para complicar tanto as coisas quando, no fim das contas, você só quer beber direito, relaxar e curtir a cerveja da melhor forma. Então dá para seguir uma regrinha de ouro na hora de colocar as garrafas e latas para gelar. Quanto mais leve e refrescante, mais gelada. Quanto mais encorpada, forte e complexa, menos gelada. E, quanto menos álcool, mais gelada.

Aliás, corpo e teor alcoólico são coisas diferentes. Nem sempre uma cerveja encorpada tem mais álcool. Uma cerveja é considerada encorpada quando dá aquela sensação de preenchimento na boca. É isso que a difere das leves. Por isso, uma temperatura mais elevada realça a percepção de sabores e aromas.

Muito gelada
Temperatura de 0 °C a 4 °C
Além das standard american lager (as pilsen típicas de boteco), aqui entram também as pale lagers em geral e a pilsen original, tcheca. Perceba que mesmo aqui o “estupidamente gelado” não é necessário. Claro, é questão de gosto, mas sua garrafa não precisa estar sempre a -2 ºC, -4 ºC, como muitas geladeiras de bar ostentam. Zero grau está de bom tamanho.

Gelada
4 °C a 6 °C
Cervejas de trigo como weizenbier e witbier, além das lambics. São as garrafas para a parte intermediária da geladeira, menos fria que as prateleiras de cima.

Fria
7 °C a 10 °C
Aqui começam as encorpadas. Triple, IPAs, weizenbocks, porters e dubbels, por exemplo, podem ficar na parte de baixo. E você nem precisa deixar muito tempo na geladeira, já que a temperatura na região inferior gira em torno de 6 ºC e 10 ºC .

Temperatura de adega
10 °C a 13 °C
Belgian dark strong ales, imperial stouts e barley wines dispensam geladeira. Podem sair do armário direto para o copo.

Aliás, sempre que puder deixe as garrafas de pé, não deitadas, e sem contato com a luz. Isso vale para todos os estilos. E, no fim das contas, cerveja boa é a que você gosta e fim de papo. A temperatura, como lembra Laura Aguiar, mestre-cervejeira da Ambev, pode variar não só conforme o tipo de cerveja, mas também de acordo o clima do local e a ocasião. Se você deixou aquela tripel especial para tomar no Natal e está 35 ºC lá fora (afinal, dezembro), quem vai dizer que ela não pode estar gelada? “Entender essas pequenas nuances colabora para que a experiência seja ainda melhor”, diz Laura.

Fonte: Super